Av. Des. Dermeval Lyrio, 501 - Mata da Praia - Vitória/ES 27 3325 7566 | 99706-2131 (WhatsApp) igreja@ibmatadapraia.org.br     

Texto das
Mensagens

O VALE DOS OSSOS SECOS

Ezequiel 37.1-14    Pr. Marcelo Aguiar   

 

INTRODUÇÃO

Você já se sentiu como um osso seco? Os contemporâneos de Ezequiel, sim. Exilados na Babilônia, eles diziam uns para os outros: “Os nossos ossos secaram-se, e pereceu a nossa esperança; estamos de todo cortados” (v.11). Então, o Senhor concedeu ao profeta uma visão que acabou se transformando no trecho mais famoso do seu livro.

Graciliano Ramos também escreveu um livro famoso, intitulado “Vidas Secas”. Era isso que os ossos vistos por Ezequiel representavam, é isso o que eles representam: vidas secas. Quando você se sente exaurido – como os judeus no cativeiro, e como os ossos da visão – o que deve fazer?

 

1) SAIBA QUE DEUS ESTÁ CIENTE DE TUDO (VS. 1,2)

O Senhor levou Ezequiel até um vale cheio de ossos secos. Ninguém conhecia a existência daquele vale. Apenas o Senhor. Esse fato nos lembra o fato de que podemos esconder tudo de todos, menos de Deus.

Sua situação não é desconhecida. Quando estamos secos por dentro, Deus sabe! Porém, o Senhor vai além: não apenas sabe que nos sentimos mal, mas também sabe por que estamos assim.

Certo jardineiro aguardava com ansiedade a abertura de um botão, mas a flor nunca desabrochou. Abrindo as pétalas, ele descobriu o motivo: um verme estava devorando o coração da flor. E quanto a você? O que está devorando a sua alma? O que está roubando a sua paz?

 

2) ACREDITE QUE DEUS PODE AGIR EM SUA VIDA (V. 3)

Quando Deus fez a pergunta: “Filho do homem, poderão reviver esses ossos?”, Ezequiel preferiu dar uma resposta cautelosa: “Senhor Deus, tu o sabes”. Particularmente, eu preferiria que o profeta tivesse sido mais ousado e respondido com um veemente “sim”. Mas pelo menos ele demonstrou mais fé do que os outros judeus (v.11).

O que essa parte da visão esclarece é que, para fazer uma obra, o Senhor espera pela nossa demonstração de fé. Ele nos desafia. Quer que acreditemos nele, que desçamos do muro, que nos comprometamos. Saiba: na sua restauração, Deus vai entrar com a maior parte. Mas você precisa entrar com a fé!

 

3) BUSQUE AUXÍLIO NA PALAVRA DO SENHOR (V. 4)

“Ossos secos, ouvi a Palavra do Senhor”, foi a mensagem que marcou o ponto de virada na visão. Quando estamos em dificuldade, devemos nos voltar para a Palavra do Senhor. Deus cria através da Palavra (Gn 1.3), cura através da Palavra (Sl 107.20), salva através da Palavra (Jo 1.14). Se você for às Escrituras, encontrará recursos para resistir e triunfar.

O salmista escreveu: “A minha alma se consome de tristeza; fortalece-me segundo a tua palavra” (Sl 119.28). E acrescentou: “Isto é a minha consolação na minha angústia, que a tua promessa me vivifica” (Sl 119.50).

O grande pregador Charles Spurgeon declarou uma vez: “Nenhuma língua toca as profundezas de minha natureza como a Palavra de Deus, e nenhuma outra produz calma tão profunda dentro do meu espírito. Prefiro-a a todas as forças da natureza, pois a Palavra de Deus é a fonte de todo o poder do universo. Suaviza minha memória, ilumina minha esperança, estimula minha imaginação, dirige meu juízo, comanda minha vontade e anima meu coração”.

“Ossos secos, ouvi a Palavra do Senhor!”. Deus está falando com você!

 

4) VALORIZE A COMUNHÃO FRATERNAL (VS. 7,8)

Para que o milagre acontecesse, os ossos tiveram que se unir. Ezequiel disse: “Enquanto eu profetizava, houve um ruído; e eis que se fez um rebuliço, e os ossos se achegaram, osso ao seu osso” (v. 7). Este é um detalhe importante da visão: para que os ossos revivessem, eles primeiro tiveram que se juntar. A lição é clara: reavivamento exige comunhão.

Neste vale de ossos secos que chamamos de vida, cada um de nós é parceiro de lutas e vitórias. E o Senhor deseja nos restaurar em meio aos relacionamentos que constituímos. Isso acontece particularmente no seio da família e da igreja, as duas instituições criadas pelo Senhor.

Não é fácil para nós, como ossos, nos achegarmos a outros homens-ossos. Não temos dificuldade em abraçar algo fofinho, cheinho e macio… mas muitas vezes quem está perto de nós nos parece um osso seco: duro, cheio de pontas e de asperezas!

Veja: se pagarmos o preço da comunhão a vitória virá. A família e a igreja são recursos preciosos na nossa restauração. Não admira que o diabo tente nos afastar de ambas. Na visão de Ezequiel, os ossos se procuraram e se uniram. E depois vieram os nervos, a carne e a pele, e os cobriram. O milagre estava acontecendo. Mas ainda faltava algo muito importante…

 

5) SEJA DEPENDENTE DO ESPÍRITO SANTO (VS. 9,10)

Quando chegamos ao verso 9, não encontramos mais esqueletos, e sim cadáveres. Os corpos estão completos e perfeitos. Entretanto, continuam deitados sobre a face do vale. É que ainda não possuem vida. Então, o Espírito de Deus veio e assoprou sobre os mortos. Em seguida, “o fôlego da vida entrou neles, e viveram e se puseram em pé, um exército grande em extremo” (v. 10).

A profecia chega ao fim lembrando-nos que é o Espírito Santo quem nos põe de pé. Sem a ação do Senhor, podemos ter o melhor preparo, as melhores intenções, e nos esforçar ao máximo. Seremos, porém, como aqueles cadáveres no vale. Estaremos completos, mas não teremos poder.

“Não por força nem por poder, mas pelo meu Espírito, diz o Senhor dos exércitos” (Zc 4.6). Você tem tentado mudar as situações confiando nos seus próprios esforços ou agindo na dependência de Deus? Você tem tentado fazer as coisas do seu jeito ou do jeito de Deus?

O melhor carro do mundo não sai do lugar se não tiver combustível. O mesmo pode ser dito a respeito das pessoas. Por isso, Paulo escreveu: “A nossa capacidade vem de Deus” (2 Co 3.5). Sublinhe essa passagem em sua Bíblia. Releia-a com frequência. Acredite nela. Coloque-a em prática.

 

CONCLUSÃO (VS. 12-14)

Ossos secos, ouçam a Palavra do Senhor! Há uma promessa para vocês! O Todo-poderoso falou: “Eis que eu vos abrirei as vossas sepulturas, sim, das vossas sepulturas vos farei sair” (v. 12). “E porei em vós o meu Espírito, e vivereis, e vos porei na vossa terra; e sabereis que eu, o Senhor, o falei e o cumpri, diz o Senhor” (v.14).

Deus dá vida a ossos secos! Ele tem uma promessa de restauração para você. Ele espera que você busque e entregue. Creia, e o mais ele fará.

 

Pastor Marcelo Aguiar

O QUE PODE ROUBAR A MINHA BÊNÇÃO?

PRIMEIRAS FESTAS

Sem comentários

Deixe seu comentário

IBMP

IBMP